Henri Nicolas Vinet (1817-1876)
Henri Nicolas Vinet (1817-1876)
1 More
VARIOUS PROPERTIES
Henri Nicolas Vinet (1817-1876)

A mountain stream in the rainforest above Rio de Janiero

Details
Henri Nicolas Vinet (1817-1876)
A mountain stream in the rainforest above Rio de Janiero
signed 'Vinet' (lower left)
oil on canvas
15 x 18 ¼in. (38 x 46.2cm.)

Brought to you by

Helena Ingham
Helena Ingham

Check the condition report or get in touch for additional information about this

If you wish to view the condition report of this lot, please sign in to your account.

Sign in
View condition report

Lot Essay

A pupil of Corot and a follower of the Barbizon School of plein air landscape painting, Vinet arrived in Brazil in 1856 and exhibited at the Academia Imperial de Belas Artes over the following 20 years, the majority of his subjects landscapes taken 'en plein air' in and around Rio de Janeiro. His Brazilian work remains rare and the present canvas is a recent discovery.

Vinet was a transitional artist, his carefully observed Brazilian scenery bridging the work of the first generation of neo-classical and romantic landscapists active in Brazil in the 1820s, such as Taunay and Rugendas, and the realist painting of the 'Grimm group' of artists active at Niterói in the 1880s: 'Vinet é autor de um desenho calculado, resolvido muito naturalmente na pintura, levando a pensar que a sensação do mundo comunicada é encontrada diretamente pelo pintor na natureza. ... O desenho calculado da paisagem faz com que cada element pareca perfeitamente adequado ao seu lugar, a paisagem assenta-se numa estrutura interior silenciosa, enquanto a sensação da paisagem decorre não só da composição como do encontro do justo tom. Vinet atribui importância ao claro-escuro da natureza e, como havia ensinado Leonardo, cada element do quadro configure-se por uma escala completa que vai do mais claro ai mais escuro. A impressão do solidez causada por sua paisagem, principalmente se comparada a fluidez atmosférica dos exemplos anteriormente citados, deriva dessa construção vertical da paisagem apoiada na terra, para e qual muitos adotam a noção de naturalismo ou realismo (noção tão précaria em pintura). Deriva também da vocação para o mais nitido e para a limpidez cristalina da situação com e qual depara o pintor de gusto clássico.' (A. M. de Moraes Beluzzo, O Brasil dos Viajantes, Sao Paulo, 1999, p.138)




;

More from Topographical Pictures

View All
View All